George

Autor: Alex Gino
Número de páginas: 144
Editora: Galera Junior 

Sinopse: Seja quem você é. Quando as pessoas olham para George, acham que veem um menino. Mas ela sabe que não é um menino. Sabe que é menina. George acha que terá que guardar esse segredo para sempre: ser uma menina presa em um corpo de menino. Até que sua professora anuncia que a turma irá encenar “A teia de Charlotte”, e George quer muito ser Charlotte, a aranha e protagonista da peça. Mas a professora diz que ela nem pode tentar o papel porque... é um menino. Com a ajuda de Kelly, sua melhor amiga, George elabora um plano. E depois que executá-lo todos saberão que ela pode ser Charlotte — e entenderão quem ela é de verdade também.






George nasceu menino, mas não é um menino. Ele nasceu num corpo de homem, mas se sente como mulher. Não é nada complicado, é bem simples para falar a verdade, mas aos olhos de alguns, isto é errado.
George tem apenas 10 anos e é incrível, como mesmo uma criança sabe quem realmente é. Toda a história na verdade se passa num momento em que George quer interpretar um papel feminino na peça de teatro da escola, e é claro, as pessoas não aceitam. 
Quando digo pessoas, é a professora, afinal, a mãe de George e seu irmão não sabem como ela se sente.
De fato, ninguém sabe. E podemos sentir como é torturante para a garota ter que conviver com toda a situação.
E é isso que o livro irá tratar. Os sentimentos, como cada pessoa irá lidar com a situação, como a própria personagem vai amadurecendo mesmo com apenas 10 anos.

O livro é um infanto juvenil, ou seja, trata o assunto de uma forma bem simples. Uma explicação de que é normal e ponto.
Confesso que entendi MUITO BEM, a forma que o livro quis passar a ideia, e a forma como as pessoas reagiram em volta de George. Contudo, se fosse um livro mais adulto, acredito que precisaria ser tratado de outra forma, mas como não é o caso, entendi perfeitamente.
É preciso conversar com crianças sobre o assunto, é algo comum, não é uma doença, simplesmente é a verdade nua e crua. 
Todas as pessoas são diferentes uma das outras e essa é a maravilha do mundo. É isso que faz o mundo ser incrível como ele é. 
E é isso que esse livro é, incrível, pois eu nunca havia visto um livro com esta temática para crianças. 
Recomendo de coração que apresentem George a seus filhos e filhas. 
É lindo e é normal. 

AVALIAÇÃO: 


2 Comentários

  1. Que temática interessante e bem atual. Creio que seja mais difícil para um adulto aceitar a situação do que as crianças, pois para elas tudo é normal e natural. Achei interessante o livro, vou procurar. Abraços.

    www.biashaina.com.br

    ResponderExcluir
  2. - Amo ler e achei bem interessante o tema do livro, gostei da indicação!
    Estou curiosa para saber mais, bjos

    ResponderExcluir